BAIXE AQUI
2ª VIA BOLETO

TELEFONES ÚTEIS

Antenas / TV a Cabo

VITOR

(51) 9229 8123

Eduardo Volk

(51) 9186-0493

D ZARTH

51- 3710-3022

Chaveiro

Chaveiro Augusto

(51) 9622-0423

Chaveiro Pedrinho

(51) 3748-2799

(51) 9995-9842

Celso Rex

(51) 9199-9438

Conserto Gás Central

Adilson Instalações

(51) 9 9238-1009

Casa do fogão

(51) 3714-2001

(51) 9995-5288 Luis

Desentupidor

Da Luz Desentupidora

3714-1060

Valmir desentupidora

(51) 9222-3590

(51) 9610-9297

Eletricista

Marcos Farias

(51) 9505-2484

Willian Kremer

(51) 9757- 1170

Makiel Pezzi

(51) 9967-4009

Elevador

Thyssenkrupp - elevadores

0800-7080-499

Wolf e Wolf Elevadores

(51) 3716-1144

Otis elevadores

0800 704 87 83

Encanador

Roberto Reginatto

(51) 9 8153-1043

Erlon - Sos

(51) 9 9894-0339

Extintores

GLOBAL EXTINTORES

(51) 8115- 9579

Faxineira

Kellen Serviços de Limpeza

(51) 9 9468-9219

Gesso

FERNANDO

(51) 9560-8645

Higienização / Dedetização

Verde Vida

(51) 3712-1208

Extrema Manejo de Pragas

(51) 3729-6075

(51) 9808-7664

Ecopragas

(51) 9978- 9382

Desin Soluções Ambientais

(51) 3726-3888

Jardineiro

Noel da Mota

(51) 9 9703-9917

Ademar Reis

(51) 9955-9238

Limpeza de Piscina

Eloir

(51) 9 9701-0111

Marceneiros

Sidinei - Esquadrias Gaúcha

(51) 9 9948-8250

Pedreiros

Inácio Lange

(51) 9 8165-4953

IVO SCHMEIER

(51) 8159- 9556

EDEVALDO

(51) 9672-9105

Pintor

RÉGIS FRISTCH

(51) 9845 7900

JAIRO BOTEGA

(51) 9953 3484

Ismael (MGN)

(51) 9950-1172

Portão / Interfone

ELETROCHOK

(51) 9935-4864

BLACK SISTEMAS DE SEGURANÇA

51 3710-1443

Kaseg & WM

(51) 3714-4962

(51) 3714-2377

IDEA - IBANES

(51) 9739 6046

BELPORT

(51) 9645-5292

Recarga de Gás

ARCO GÁS

0800-510 6655

Elcio

(51) 3716-5071

(51) 9327-7206

Central Gás

(51) 9596-1155

Rede de Proteção

Matias

(51) 9678-3307

Serralheiro

FABIO LUIS FERNANDES

(51) 9634 6996

DIEGO FERRARI

(51) 9949 9088

João Weber

(51) 9 9163-8291

Marcos - Esquadrias Rio Grandense

(51) 9 9509-0422

Vidraceiro

Vidraçaria Kramer

(51) 3748-1744

GERMANO M. KUHN

(51) 9298 - 1475

Vigilantes

Protepac

(51) 9646-4655

Prosul

(51) 9217-2158

GRUPO MIB

(51) 9855 2937

TELEFONES ÚTEIS SERVIÇOS CREDENCIADOS

No campo USUÁRIO informe CÓDIGO DE CLIENTE e na
SENHA informe seu CPF ou CNPJ (apenas números)



AVISO ENTRADA/SAÍDA
SOLICITE UMA PROPOSTA
SOLICITE UM CONSERTO
RESERVA DE SALÃO

DICAS DE CONFIANÇA

Garagem em condomínio: regras e bom senso.

Garagem é motivo para uma série de conflitos em condomínios. Apesar de ter a garantia de segurança e comodidade, muitos condôminos transformam a vida em comunidade em uma grande dor-de-cabeça quando o assunto é a vaga para estacionar seu veículo. Entre os principais problemas estão: vagas compartilhadas, estacionamento em locais errados, utilização desses espaços por não moradores, carros maiores do que o local disponível, furtos, danos e amassados causados por vizinhos, guarda de motos e automóveis juntos, etc.

Para tentar entender e resolver muitos destes conflitos é indispensável a leitura da convenção do condomínio. Muitas vezes as convenções determinam que cada vaga de garagem é destinada a guarda de apenas um automóvel. Neste caso, o condômino deverá optar entre parar um carro ou uma moto. E ainda, restringem a sua utilização somente aos moradores e vedam a guarda de qualquer objeto no interior das vagas. Porém, as regras para a utilização da garagem depende de cada convenção de condomínio.

Condomínios mais modernos destinam vagas adicionais para a guarda de motos nas suas áreas comuns da garagem. Mas, os condomínios mais antigos não acompanharam a crescente necessidade por vagas e não possibilitam esta opção. Como alternativa alguns condomínios têm tolerado a guarda de um automóvel e uma moto na mesma vaga de garagem, quando não existem vagas extras para motos, desde que não traga incômodo aos demais moradores.

Seja qual for a opção do condomínio, é indispensável a observância da convenção e que qualquer padronização ou tolerância passe pela aprovação de uma assembleia e esteja de encontro com o artigo 1.336, IV do Código Civil, que determina nos deveres dos condôminos a obrigação de utilizar as áreas do condomínio de forma a não prejudicar o sossego, salubridade e segurança dos moradores.

Os condomínios não estão obrigados a oferecer vagas especiais para idosos, por exemplo. De qualquer forma, é salutar que, tendo condições, essa população seja favorecida com fácil acesso aos elevadores. No caso de sorteio de vaga de garagem, é importante que os idosos sejam beneficiados com os locais de maior espaço e entrada privilegiada.
A oferta de vagas diferenciadas para deficientes também não é obrigatória. O decreto nº 5.296, de 2004, que estabelece normas para a promoção da acessibilidade das pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida, não se aplica aos condomínios. Cada município, através do Código de Obras, deve regular o uso de vagas de garagem para essas pessoas. Em São Paulo, a Lei Municipal nº 15.649 determina que para edificações com mais de 100 vagas, pelo menos 1% deve ser reservada para deficientes.

É proibida, desde abril de 2012, a venda ou o aluguel de vagas de garagem a não moradores. A Lei Federal nº 12.607 alterou a redação do artigo 1.331, do Código Civil, que permitia a comercialização das vagas se a convenção do condomínio não determinasse o contrário.

Agora, as garagens só podem ser alugadas ou vendidas quando existir previsão expressa das convenções. Caso não exista autorização expressa, a convenção poderá ser modificada pela aprovação em assembleia de dois terços dos condôminos. A mudança vale para proprietários de apartamentos, escritórios, salas, lojas e sobrelojas, com exceção para os edifícios garagens.

É importante que fique claro que a lei não veda a locação das vagas para outros condôminos, pelo contrário, esta passa a ser a única opção do morador que tem uma vaga a mais. Lembrando que prédios garagens e condomínios com garagens com matrículas separadas são unidades autônomas e podem ser negociadas da mesma forma que as unidades imobiliárias.

O condomínio deve sempre que possível tentar administrar as situações que podem resultar em conflitos. E os condôminos devem utilizar o bom senso e respeitar as regras estabelecidas para evitar desentendimentos e possíveis ações judiciais. O síndico pode assumir o papel de mediador e agir com firmeza em atritos provocados por causa da garagem, inclusive com aplicação de advertências e multas previstas na convenção e no regimento interno.

PUBLICADO EM 29/07/2014
CLIQUE AQUI E CONFIRA OUTRAS DICAS!
Voltar uma página

51.3709-0092

Rua Liberato Salzano
Vieira Da Cunha - nº183
Bairro Americano - Lajeado/RS


utilizadores online

Confiança Administradora de Condomínios © 2019 - Todos direitos reservados   |   Desenvolvido por Rock7

Área de acesso  restrita!